top of page

Os Estados Unidos, que passou a ser a única potência mundial depois da queda da União Soviética e do Comunismo, vive hoje sua maior crise. O país enfrenta uma guerra no Oriente Médio para garantir suas provisões de petróleo e um “crash” terrível no sistema financeiro, que acabou por abalar também as relações econômicas e financeiras mundiais. O dólar perde força, enquanto países emergentes, como a China, a Índia e o Brasil resistem. Ainda não é o fim do império americano, mas é sem dúvida o começo de seu declínio. O que vai acontecer com a queda do consumo dos americanos? Como os Estados Unidos poderão continuar gastando com suas guerras? O que acontecerá com as grandes corporações financeiras que dominavam o mercado até o final do ano passado? Jan Nederveen Pieterse, um holandês que vive desde 2001 nos Estados Unidos, faz um retrato transparente e esclarecedor da crise americana e suas repercussões na vida de cada um de nós.

O Fim do Império Americano?: Os Estados Unidos depois da Crise

R$ 25,00Preço
  • PAPEL OFF SET 

    GERAÇÃO EDITORIAL 

    293 PÁGINAS 

bottom of page